O objetivo deste blog é divulgar toda a minha produção poética, sem prejuízo de continuar a ser postada também no Portal de Poesia Rodolfo Pamplona Filho (www.rodolfopamplonafilho.blogspot.com).
A diferença é que, lá, são publicados também textos alheios, em uma interação e comunhão poética, enquanto, aqui, serão divulgados somente textos poéticos (em prosa ou verso) de minha autoria, facilitando o conhecimento da minha reflexão...
Espero que gostem da iniciativa...

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Oroboro


Oroboro

Rodolfo Pamplona Filho
Oroboro
A cobra comendo
o próprio rabo
Oroboro
Casa D'Oro
A armadilha auto-imposta
Oroboro
Quero sentir
o que é Duende...
A ardente ânsia de viver
que toma todo o meu ser
e que sentimos e expressamos,
quando finalmente percebemos
que a morte está próxima...
Oroboro
Três assassinos cegos
Três crianças órfãs
Oroboro
Oro é ouro
B é bet, é casa
Casa de Ouro
Oroboro...

Salvador, 03 de março de 2012.

2 comentários: